sexta-feira, 28 de maio de 2010

Pérola do André

Estávamos conversando na cozinha e ele resolveu abrir portas e gavetas da cozinha Depois fez o mesmo com as da sala...e já ia fazer o mesmo no quarto.
Eu observei o seu mexe mexe e disse:
- André, você está muito curioso hoje! Quer saber o que tem nas portas e gavetas!Precisa perguntar pra vovó se pode mexer nas gavetas da vovó!
- Não vovó Eu não sou curioso, eu sou abusado!
Segundo dia do Workshop Internacional da Bioenergética! Minha nossa senhora! Minha criança Interior estava literalmente atacada ontem . Acho que se desse ela voava do Humaitá até Olaria, tanta era a energia!
Hoje ela levou um tranco! Já pela manhã, 45 mins literalmente parada na Av Brasil, sem poder entrar na rua seguinte. Cantando alto, janelas do carro fechadas para o Mico ser menor, achei novo caminho e como chovia e estava aquele pára e anda chato, em um dos momentos de parar BRUM! Meu carro derrapou e bateu no da frente Aliás entrou por baixo!
Eu tremia q nem vara verde, respirei e repetia para mim mesma: calma, respira, enquanto a mototista do carro da frente saída estressada para ver o q tinha acontecido.
Sentada eu estava, sentada fiquei e só consegui dizer ( até pq o treme treme continuou por um tempo): não posso fazer nada! Derrapei. Pega o meu telefone - e entreguei meu cartão de arteterapeuta- olha q estratégia!
Ainda estressada a dona olhou pro carro dela, olhou pro meu, pegou o cel, não sabia se ligava ou não para sei lá quem, até q resolveu abrir a mala do carro dela ( uma fiat quadradinha). A mala abriu, ela olhou pro meu carro e veio pra minha janela ( eu continuei sentada)
- Com meu carro não aconteceu nada, agora o seu quebrou
Sabe aquela vontade de apertar o botão F ? Fiquei! Respirei outra vez e disse: então você não vai me ligar? E ela disse: Não ! Virou as coisas e saiu.
Continuei meu percurso e cheguei ao Humaitá!
A aula tratava sobre Masoquismo...
Foi um dia cansativo emocionalmente! Entrei em contato com meu masoquismo e com todo masoquismo a que fui submetica..e não foi pouco!
Terminamos a aula as 18 nos jogando como um voo nos colchões da sala, dando muita gargalhada ( Imaginem a cena: eu, 5.1, quase 5.2, gorducha como estou me jogando como um voo de asa delta nos colchoes de espuma/almofadas da sala! Fala sério..é no mínimo estranho Rsss) Ah! E uma mediçaõ de forças também, ombro a ombro! Muito engraçado!
No dia de hoje vivenciamos nossos cuidadores nos dando tapas por que chamamos o irmão de maricas, porque quebramos alguma coisa, nos dizendo coisas do tipo: Cala a boca e responde o q eu perguntei! Engole este choro! Sai daqui! Você me irrita! e tantas outras pérolas que nos marcaram a vida.
As crianças de hoje devem ser adultos mais felizes! Têm direito de se expressar! Podem falar com adultos! A gente nao entrava em conversa de adulto!
Ah..não sei se serão mais felizes mas pelo menos terão maior consciencia de si mesmo, poderão viver as suas próprias vidas.
Senti inveja das filhas da Trainer...aquela criatura fala as coisas com tanta naturalidade! Nos faz sentir tanta segurança, tanta confiança ...a gente pode sentir tudo lá naquele lugar!
A sensação que tenho lá é indescritível! Voltei com minha cabeça fervilhando, com vontade de dividir com as professoras tudo q aprendi nesses dias pq com certeza compreenderão mais, terão mais tolerância com as crianças , não valorizarão coisas como cara feia, torcer o nariz, deboche - até pq isso é tãooo relativo _e serão com certeza mais felizes.
Dói muito entrar em contato com nosso lado negro, mas é tão importante reconhecê-lo e aceitá-lo.
O dia que descobri que parte do meu carater ( uma parte grande )era borderline, me permiti realmente ser sem culpa , aproveitar o que tem de bom um border, e entendi esse meu jeito emocional de ser! ( o border é impulsivo, é emocional, muda de humor rápido, etc)
Algumas pessoas acham q isso é ser nervosa! Mas não me sinto nervosa Me sinto 90% emoção. Pode incomodar muita gente, mas eu gosto de ser 90% emoção
E como nada é por acaso, lembrei a musica q eu cantava as 7 da manhã, no volume máximo do meu carro ( pode riri pq eu já dei aqui muita gargalhada!):
Te dei o sol te dei o mar, pra ganhar seu coração
Você é raio de saudade, Meteoro da paixão
Explosão de sentimentos que eu não pude acreditar ahhhhhhhhh como é bom poder te amar!!

Aliceeeeeeeeeeeeeeeeeeeeee eu te amooooooooooooooooooooooooooooooooo!!

quarta-feira, 26 de maio de 2010

Duas coisas completamente opostas me marcaram o dia de hoje.

Um tema fala sobre o riso e o outro sobre crianças crescendo Sobre o primeiro, escrevi agora. Já o sobre crianças crescendo fica para depois!

Conversando por email com um velho amigo, muito querido por sinal, ele me respondeu : Lica, você me fez dar muita gargalhada!

Interessante que várias pessoas enxergam este meu lado palhaça E mais interessante: eu adoro este meu lado palhaça e lamento muito não ter me permitido ser palhaça a vida toda. Fica aqui claro que palhaça pra mim, é um adjetivo muito, mas muito bom, e não tem qualquer vestígio de ironia na história! Palhaça para mim tem a ver com espontaneidade, com minha criança interior.

Mas voltando ao meu amigo. Quando li o q ele escreveu, comecei a rir e respondi: ah..mas é por isso que nosso "casamento" deu certo! Afinal nos conhecemos há mais de 10 anos, e já passamos por muita água debaixo e em cima da ponte! Entre tapas e beijos vamos rindo e seguindo a vida!

E foi aí que lembrei do blog em que minha prima escreve e desejei compartilhar o tema: O casamento que dura mais é aquele que os casais riem juntos, e deixo aqui um registro: isso deve ser real para qualquer tipo de relacionamento ... e cá pra nós: é bom demais rir, não é mesmo?

E pensando aqui rapidinho, os dois temas tem TUDOOOO a ver !



O link: http://colunas.epoca.globo.com/mulher7por7/2010/05/03/amar-e-se-escangalhar-de-tanto-rir-juntos/

terça-feira, 25 de maio de 2010

Um turbilhão de ideias me vem a mente... Tantas que nenhum dedinho nem nenhuma palavra consegue acompanhar.
Nem gravando resolve meu problema pq a mente corre tanto que tudo se embaralha.

E me veio à mente uma música, e resolvi postar a letra.

Não vejo a hora da chuva passar... aliás, já está passando dando lugar a um sol brilhante e esperançoso no horizonte do coração.

Quando a chuva passar ( que eu termino amanhã pq decididamente não sei colar nada aqui ) Rss









Quando a chuva passar

Pra quê falar
Se você não quer me ouvir?
Fugir agora não resolve nada

Mas não vou chorar
Se você quiser partir
Às vezes a distância ajuda

E essa tempestade um dia vai acabar
Só quero te lembrar
De quando a gente andava nas estrelas
Nas horas lindas que passamos juntos
A gente só queria amar e amar e hoje eu tenho certeza

A nossa história não termina agora
Pois essa tempestade um dia vai acabar

(Refrão)
Quando a chuva passar
Quando o tempo abrir
Abra a janela e veja eu sou o sol
Eu sou céu e mar
Eu sou céu e fim
E o meu amor é imensidão

Só quero te lembrar
De quando a gente andava nas estrelas
Nas horas lindas que passamos juntos
A gente só queria amar e amar
E hoje eu tenho certeza
A nossa história não termina agora
Pois essa tempestade um dia vai acabar

Nasce o TOCCARTEeAmor!


Acabo de chegar do Espaço TOCCARTE, meu cantinho especial onde auxilio a tocar o coração das pessoas que ali vão, através da arteterapia e do amor; realização de um sonho antigo e estimulado pela minha especial parceira neste processo: Bárbara!

Foi esta doce menina, que me deu forças para colocar asas para voar! Foi a minha certeza interior que poderia ajudá-la que me fez voar sem medo!

Meu coração tem pedido para voltar a escrever e faz tempo que reluto. Cheguei de lá mais uma vez com muita energia positiva, resultado dos atendimentos que fiz no dia de hoje!

As pessoas que atendo não imaginam o quanto me fazem bem, o quanto me ajudam, o quanto me energizam e me empurram para os mais altos voos!

Nasce hoje o blog TOCCARTEeAmor ( Tocando o coração com Arteterapia e muito Amor!) onde pretendo relatar minhas dúvidas, meus anseios, meus sonhos tanto a nível pessoal quanto profissional !

Venha comigo nesta viagem!

Alice